Deixe um comentário

III – INCENTIVO MAIS INTENSO DAS VOCAÇÕES SACERDOTAIS

A segunda parte do Decreto Optatam Totius trata do tema da promoção das vocações sacerdotais. Como sugere o título desta segunda parte, o Concílio deseja que o trabalho de promoção vocacional seja realizado com mais intensidade.

Pode-se afirmar que a mais rica intervenção do Magistério da Igreja em matéria de pastoral vocacional foi-nos oferecida pelo Concílio Vaticano II que, pela primeira vez na história dos Concílios Ecumênicos, abordou expressamente os aspectos fundamentais da vocação e da pastoral vocacional, oferecendo assim à Igreja um patrimônio rico de doutrina, um tratado quase completo da matéria, embora não apresentado em um único documento, mas sim, distribuído nos vários documentos conciliares.

É bem verdade que já o Concílio de Trento havia, pelo menos indiretamente, enfrentado o problema da promoção vocacional ao apresentar os requisitos exigidos dos candidatos às ordens sagradas e as normas sobre a obrigação de residência dos bispos e dos párocos. Certamente, porém, o passo em frente dado pelo Concílio Vaticano II foi muito mais qualificado. Com efeito, na Optatam Totius e noutros textos (PO 11; AG 29.36.38.39.40; LG 4; 12.20; PC 1), O Vaticano II ilustrou a vocação no seu objeto, como vocação geral e como vocações específicas; na sua natureza, como dom de Deus, como apelo à consciência individual iluminada pela fé, como chamado da Igreja através dos seus legítimos pastores; nos seus fins, a glória de Deus, a santificação dos chamados e a salvação da humanidade.

Na Optatam Totius lemos que o dever de promover as vocações sacerdotais não é exclusivo dos bispos e padres. Trata-se de um dever de toda a comunidade cristã, das famílias, das paróquias, dos professores e responsáveis pela formação dos meninos e jovens, das associações e dos movimentos juvenis. Contudo, o decreto reforça que o maior empenho na promoção das vocações sacerdotais deve ser feito pelos presbíteros, dos quais a Optatam Totius pede “o máximo de zelo apostólico no fomento das vocações” (OT 2). Segundo o Concílio, para que os padres entusiasmem os adolescentes a seguirem esta vocação devem ser humildes, trabalhadores, alegres, fraternos e cooperativos uns com os outros (cf. OT 2).

Para promoção das vocações sacerdotais o Decreto Optatam Totius não recomenda nenhuma fórmula mágica ou nova, mas sim, os meios tradicionais conhecidos pela Igreja na sua grande história de acompanhamento vocacional: a oração perseverante, a penitência cristã e a instrução do povo por meio da pregação, da catequese e dos meios de comunicação social.

Optatam Totius recorda que é dever do bispo estimular um trabalho vocacional que envolva todos os grupos da Igreja local e organizar a Obra das Vocações, entre nós conhecida como Pastoral Vocacional, para promover de modo metódico e constante as vocações sacerdotais. É interessante perceber que já na Optatam Totius a Igreja recomenda que no trabalho vocacional não se deve menosprezar os oportunos auxílios oferecidos pela psicologia e a sociologia.

O Decreto recomenda que, no trabalho vocacional cada diocese preocupe-se não só com suas necessidades, mas também procure, com espírito missionário, formar padres para outras regiões mais necessitadas.

Reafirma a utilidade dos seminários menores e recomenda que nestes sejam usados métodos pedagógicos adequados à idade e à evolução dos adolescentes, e plenamente adaptados às normas da sã psicologia. Superando a velha idéia de que os seminaristas deveriam viver separados do mundo, o Concílio recomenda o contato mais freqüente com a própria família e com outras experiências das realidades humanas. Além dos seminários menores, o Concílio autoriza a constituição de outras estruturas de acompanhamento e formação tanto para adolescentes, como para aqueles que perceberam o chamado vocacional na idade adulta (cf. OT 3).

Pe. Vânio da Silva
Reitor do Seminário Teológico de Florianópolis

E-Mail: pe.vanio@ig.com.br

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: